domingo, 13 de dezembro de 2009

ARATRIO



ARATRIO – “Aratrio” (2009)
por Rafael Jr (texto originalmente publicado no jornal Cinform)

O jazz é uma das linguagens musicais do século XX que mais se alastrou pelos cinco continentes e mais se adequou às musicalidades locais, sejam elas tradicionais ou contemporâneas/modernas. O Brasil tem exportado diversos nomes, e no Nordeste esse estilo musical surgido nos EUA há cem anos tem se desenvolvido e proliferado em diversos formatos (trios, quartetos, big bands, etc). Em Sergipe um dos nomes mais respeitados é o do saxofonista argentino Alejandro Habib, radicado em Aracaju há 22 anos, que formou o Aratrio com os sergipanos Weide Morazi (teclados) e Pequeno (percussão), também conceituados na música popular e bastante solicitados em shows e gravações.

O álbum de estréia do grupo exala criatividade e bom gosto nos arranjos, passando longe da obviedade. Namora a salsa cubana em “Round Midnight” (Williams/Monk) e “Song For Pepe” (Habib), mistura coloridos sonoros variados em “Forró Bop” (Habib/Morazi), desconstrói o samba “Batida Diferente” (Einhorn/Ferreira), e soa livre e com bastante espaço para o diálogo musical em “Mr. Peter” (Habib) e “Waltz For Debbie” (Evans). Os improvisos, que nunca podem faltar no jazz, são interessantes e fluidos. O domínio da linguagem é visível. Os temas não soam cíclicos (como standards do “Real Book” tocados ao vivo numa jam session), residindo aí o grande diferencial do grupo: o cuidado na construção intelectual de uma arquitetura sonora própria, o que trás uma identidade, uma marca. Manipulando dinâmicas, acentos, fraseados e timbres (Habib alterna entre o baixo profundo do sax barítono e o agudo do soprano) na medida certa, o Aratrio consegue atingir um certo grau de originalidade e soar ao mesmo tempo agradável e desafiador, para iniciados ou leigos. Saber que esse disco foi totalmente produzido em Sergipe, num pequeno estúdio ali no Augusto Franco, dá um orgulho danado!


LOCAIS ONDE COMPRAR:

- Revistaria do shoping jardins frente ao rey do mate.

- Revistaria do supermercado Extra.

- Revistaria do supermercado G Barbosa hiper sul.

- Casa do Artista (situada no calçadão das Laranjeiras)

- Freedom (endereço: Rua Santa Luzia

- Recepção do hotel Celi.

Nenhum comentário: